Métrica FID será substituída pela INP no Core Web Vitals

Google substitui métrica FID por INP para medir responsividade de um site no Core Web Vitals

O Google anunciou uma alteração nas métricas do Core Web Vitals. A métrica First Input Delay (FID), que mede a responsividade de uma página, será substituída pela métrica Interaction to Next Paint (INP). De acordo com a companhia, a FID possuía limitações, sendo assim, a INP foi incluída para testes em 2022 já com o objetivo de oferecer dados para medir a responsividade das páginas com mais eficácia. 

Após mais um ano de testes e coleta de feedback da comunidade, a equipe do Chrome decidiu promover a INP como a nova métrica principal do Core Web Vitals para responsividade, a partir de março de 2024, substituindo o FID. A postagem no blog da equipe do Chrome explica essa mudança e a justificativa por trás da nova métrica com mais detalhes.

Apesar de ter representado um marco na forma de medir a responsividade de uma página, a FID possui problemas. A métrica relata apenas a responsividade da primeira vez que o usuário interage com a página. Apesar da primeira impressão ser importante, ela não deveria representar todas as interações ao longo da vida de uma página. 

Além disso, a FID mede apenas o atraso de entrada da primeira interação, que é o tempo que o navegador teve que esperar (devido à ocupação da thread principal) antes mesmo de começar a lidar com a interação.

No caso da INP, ao invés de medir apenas a primeira interação, ela considerará todas as interações. Além disso, em vez de medir apenas a porção de atraso, o INP mede a duração completa, desde o início da interação, passando pelo manipulador de eventos e até que o navegador consiga renderizar o próximo quadro. Por isso, a INP é uma métrica mais adequada e aprimorada para medir a responsividade da página de um site. 

O que é o Core Web Vitals? 

O Core Web Vitals foi lançado em 2020, pelo Google’s Chrome Team, a fim de fornecer um conjunto de dados sobre a qualidade das páginas da web. O objetivo era avaliar a experiência do usuário nestas páginas. 

Atualmente, o Core Web Vitals consiste em três métricas principais:

  • Largest Contentful Paint (LCP): mede o tempo que leva para o maior elemento visível na tela ser carregado. Um bom LCP é importante para garantir que os visitantes vejam o conteúdo rapidamente;
  • First Input Delay (FID): avalia o tempo de resposta interativa da página, medindo o atraso entre a interação do usuário (como um clique em um botão) e a resposta do site. Um bom FID garante que os visitantes possam interagir com o site sem atrasos irritantes;
  • Cumulative Layout Shift (CLS): mede a estabilidade visual de uma página, levando em conta os deslocamentos inesperados de elementos durante o carregamento. Um bom CLS evita que os elementos da página se movam de forma inesperada, o que pode causar frustração aos usuários.

O impacto da mudança no Google Search Console

A nova métrica, INP, substituirá o FID como parte do Core Web Vitals em março de 2024. Para auxiliar os proprietários de sites e desenvolvedores a tomarem as medidas necessárias e avaliarem suas páginas de acordo com a nova métrica, o Search Console incluirá a INP no relatório do Core Web Vitals ainda este ano.

Quando a INP substituir o FID em março de 2024, o relatório do Search Console deixará de mostrar as métricas do FID e utilizará a INP como a nova métrica de responsividade.

A métrica INP fornecerá informações específicas em relação ao desempenho das páginas de um site. Além disso, será possível identificar áreas que precisam ser otimizadas para melhorar a experiência dos visitantes.

O Search Console continuará a fornecer dados e insights relevantes para auxiliar os proprietários de sites na otimização de suas páginas para os padrões do Core Web Vitals atualizados.

O que isso significa para os proprietários de site? 

Se você é dono de um site, precisa seguir as orientações do Search Console para melhorar o Core Web Vitals e garantir uma experiência bacana aos visitantes do seu portal. As melhorias feitas para o FID são uma base sólida para melhorar a INP e a responsividade das páginas.

É altamente recomendável que os proprietários de sites alcancem bons resultados no Core Web Vitals para obter sucesso na pesquisa e garantir uma ótima experiência do usuário em geral. Para entender como o Core Web Vitals se encaixa em uma abordagem holística para a experiência da página, é recomendado ler as orientações do Google sobre como entender e pensar sobre a experiência da página nos resultados de pesquisa do Google.

Mais informações sobre a nova métrica podem ser encontradas na postagem do blog da equipe do Chrome, e orientações sobre como otimizar suas páginas em relação à INP podem ser encontradas neste guia sobre otimização da INP.

Comentários

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *